Lays Orsini

Leoa ou Gata? Depende. Se você apertar o botão errado de Lays Orsini, a fera aparece. Se encontrar o certo, terá uma gata doce ao seu lado (com garras e dentes bem afiados...). Conheça esta felina inteligente, linda e intuitiva!

Se descreva em algumas palavras
Ai, ai, ai, não me preparei para ser entrevistada...

Ótimo, essas costumam ser as melhores entrevistas. Quer que repita a pergunta?
Não engraçadinho, eu tenho boa memória. Quando o assunto me interessa...

Então já sei uma coisa sobre você!
(risos) Sou versátil, me adapto fácil em qualquer situação, mas não curto rotina em nada, gosto de atividades variadas. Acabo de terminar um curso sensacional de Kabbalah, estou estudando joalheria, sou modelo profissional, o que exige que eu represente várias personagens e também sou mãe do Emmanuel, meu menino de 5 anos, fruto de um relacionamento de 8 anos. Gosto de desempenhar todos esses papéis!

As vezes meu sobrinho diz: Tia, te vi na internet, que mulherão!!

Como é tua relação com o Emmanuel?
Mãe e amiga. Sou muito sincera com ele, não tenho essa coisa de falar de Papai Noel, não quero criar meu filho com ilusões. Claro que respeito sua idade, mas tudo que ele me pergunta respondo com a verdade

Ele curte teu trabalho?
Muito! Já levei ele para algumas produções e ele adorou, queria até participar! (cara e voz de mãe orgulhosa)

E tua família?
Minha Mãe possui ascendência Cigana e Italiana, e meu Pai, que faleceu ano passado, é de ascendência Italiana e Portuguesa. No começo da minha carreira de modelo, foi mais difícil, pois minha família sabe que sou muito moleca e a imagem de mulher fatal com exposição na mídia não era algo com que estavam acostumados. Mas isso mudou. De vez em quando, meu sobrinho me liga e diz “Tia te vi na internet, que mulherão!!!”

Hahahahahahahahahahaha...
Tá rindo do que?

Uma gata como você sendo chamada de “Tia”, hilário!
(gargalhada)

Estou solteira e feliz, numa fase gostosa de me conhecer
Lays Orsini 3 - por Felipe Lessa

Se você fosse um homem qual seria o approach para te cativar?
Eu (no papel de homem) teria um problemão pela frente. Eu (no papel de Lays) sou bem difícil de ser abordada. O homem tem que ser inteligente e ter um bom papo. Isso me chama muito atenção. Se tentar descobrir quem eu sou, por trás da minha aparência, vai marcar um ponto enorme comigo

Lays, quero descobrir quem é você por traz da sua aparência
Hahahahahahaha... Receber um elogio de que sou bonita e que meus olhos são lindos é muito bom, mas não é isso que me define. Esse homem não irá atrair meu interesse

PQP, acabo de perceber que a primeira coisa que te disse quando você chegou foi: “Nossa como você é linda!”
Pois é...

Não sou do tipo carente

Vamos tentar por outro caminho. Você tá namorando?
Não, estou solteira e feliz assim, numa fase gostosa de me conhecer, de me aproveitar sem a necessidade de ter alguém. Isso tem sido muito bom. Nada de relações vazias, ciúmes e cobranças infantis na minha vida

Independência ou morte?
Não, independência e vida! Não sou do tipo carente. Quando começo a sentir algum tipo de limite num relacionamento, me afasto. Aquele tipo de relação onde um quer dominar o outro não funciona comigo. Rotina, cobrança, carência e insegurança são insuportáveis pra mim

Explica
Ah, aquela história de todo domingo ir almoçar no mesmo restaurante, no mesmo horário e comer a mesma coisa. Ou, então, se decido ir a um shopping fazer compras, ou sair com amigos, e o cara ficar ligando perguntando onde estou, quem está comigo. Isso é sinal vermelho para a relação

Você assusta os homens?
Um pouco e acho que as vezes isso é ruim... Mas prefiro assim. Não quero me acostumar com a rotina de uma relação morna, quero sempre ter picos de plenitude e paixão nas coisas que faço. Não me adapto com pouco, nem aceito que tenho que merecer menos, sempre quero mais e melhor. A maioria dos homens curte muito isso na teoria, mas quando experimentam na prática não seguram a onda. Alguns amigos do meu Pai diziam: “Você tá ferrado, tem uma filha linda!”, e ele respondia: “Ferrado está quem ficar com ela” (risos)

Ir para a cama sabendo que sempre vai acontecer a mesma coisa não é para mim
Lays Orsini 8 - por Felipe Lessa

Você também é exigente com teu corpo?
Eu gosto muito do meu corpo, me sinto bem com ele e não mudaria nada. Meu corpo fala comigo!

Sim, é verdade! Assim que te vi comecei a escutar uma voz na minha cabeça. Ele também falou comigo!!!
Hahahahahahahahahaha... Sério, respeito muito meu corpo. Pratico várias atividades físicas, como Yoga, Muay Thay, Funcional e corrida, mas nada regrado com horários, datas e compromissos. Faço isso tudo por prazer. Se meu corpo quer descansar fico alguns dias sem malhar, sem nenhuma culpa

Como você lida com assédio?
Depende. Se o cara me parar e me elogiar de forma legal, eu agradeço. Mas, se for de forma ruim, eu não deixo passar. Já intimidei alguns caras

É o Muay Thay funcionando?
Sim! Mas quase sempre levo tudo na brincadeira. Outro dia estava pilotando minha scooter e notei um motoqueiro me seguindo. Fiquei preocupada. Quando parei no farol, o cara freou na minha frente e me pediu em casamento! Eu caí na risada e respondi: “É melhor não, sou uma mulher problema, mas agradeço o pedido!”

Que tipo de problema você causa para suas vítimas?
(risadas) Sou muito exigente comigo mesma e acabo exigindo muito de quem está comigo. Não me entrego de imediato, o cara tem que conquistar minha confiança e isso é difícil. Se ele participar de um capitulo da minha vida, não significa que vai ter o livro todo. Não curto homens que não sabem se posicionar, ambíguos, sem iniciativa. Também não gosto do cara que faz coisas que não quer só para me agradar, e cria a expectativa de que a recíproca também será verdadeira. Outra coisa, se descobrir que a pessoa com quem estou saindo tem um lado “B”, acabou.

Você acaba de eliminar 95% da população masculina do planeta.
Que bom! Então, meu tempo será otimizado focando apenas nos 5% restantes!

Acho que as vezes assusto um pouco os homens...

Pesquisei algumas coisas sobre você antes dessa entrevista
Ihhhhh, lá vem...

Você disse que sexo é um presente dos Deuses. Curti essa religião
Quando o sexo é real, é um presentão dos Deuses!

Elabora
Sexo é muito bom quando existe a entrega verdadeira, com sintonia, com troca plena e por igual. Sexo faz parte integral do ser humano, é o resultado de vários outros aspectos da vida que devem estar equilibrados. Desse jeito, quanto mais melhor!

Você fala isso com conhecimento de causa?
Mais ou menos. Estou solteira há algum tempo... Mas não fico ansiosa com isso, não. As coisas sempre aparecem na hora certa. Se estou sem fazer sexo agora é para ser assim e me foco em outras áreas da vida.

Sexo só casada então?
Não! Sexo só com vontade, responsabilidade e com alguém que me desperte interesse não apenas pelo desejo físico

Gosto muito do meu corpo, me sinto bem e não mudaria nada
Lays Orsini 13 - por Felipe Lessa
Lays Orsini 14 - por Felipe Lessa

Há um tempo você disse que o bom de ser flexível é que não tem monotonia na cama. Mais detalhes, por favor
Hahahahahahahahaha!!! Mas não é legal variar? Não gosto de frequentar os mesmos lugares, comer as mesmas comidas, tomar os mesmos sucos. Com sexo é a mesma coisa. Sabe esses relacionamentos longos onde o casal vai pra cama sabendo que sempre vai acontecer a mesma coisa? Comigo não! E nessas horas a flexibilidade ajuda

Você é flexível?
Muito!!!

Então, você não curte relacionamentos longos?
Eu só quero relacionamentos longos! Mas tem que ser real, deve ter a conquista diária, a atenção aos detalhes, as pequenas surpresas gostosas. Quando começa com aquela atitude "Já ganhei ela, agora ficou fácil e vou fazer o quero”, acabou.

Mas relacionamentos compridos tendem ao tédio
Só se forem os seus! (risadas). Nós mudamos ao longo do tempo e não devemos ter medo de falar isso para o companheiro e ir adaptando e evoluindo a relação. De um ano para cá, está surgindo uma nova Lays, se estivesse numa relação, meu namorado teria que me acompanhar

Sexo é muito bom quando existe entrega verdadeira, com sintonia

Como é a nova Lays?
Com mais autoconfiança, vivendo uma mistura do meu signo Leão com meu ascendente em Libra

Ah, tá. Agora fala em português
Leão tem um ego “uau”, poderoso, autoconfiante, quer ser o centro do mundo. Libra já é mais ponderado, menos impetuoso, mais observador. Eu consigo, agora, transitar entre estes extremos, procurando mirar no meio termo

Sua família foi de nobres megaimportantes na Itália da Idade Média e gerou três Papas. Você sabia?
Sim! Pena que não vivi naquela época em que os Orsini eram importantes...

A Lays procura dar continuidade na fama dos Orsini?
Claro! Você vai ver como esse ensaio vai ficar lindo! Além disso, como descendente da nobreza (risadas), já te disse que estou fazendo um curso de produção de joias e penso em lançar uma linha em breve!

Você esta usando alguma joia tua?
Sim, este anel feito de ouro com rubis e brilhantes (o anel é realmente de muito bonito e de bom gosto)

Aprendi a não culpar os outros pelas minhas escolhas erradas

Se você pudesse voltar na tua vida, o que mudaria?
Nada. Talvez escutaria com mais atenção algumas dicas que a vida me deu. Quando decidi não escutar e tomar outro caminho, tive que aguentar as consequências. Mas, mesmo nessas situações, aprendi a não culpar os outros pelas minhas escolhas erradas. Então, até alguns erros que fiz valeram!

E tuas tattoos, qual a história delas?
A do gatinho representa minha primeira experiência de liberdade, independência, de viver sem depender dos outros. Retrata bem meu espírito: se quero fazer alguma coisa faço, não me importo com o que os outros pensem, assim como os felinos. A próxima tattoo será baseada num livro incrível que li “Mulheres Que Correm Com Os Lobos”, são histórias antigas sobre os caminhos para a mulher atingir sua plenitude

Essa semana você fez 27 anos. Obrigado pelo presentão que nos deu em papear e fotografar para o Cover Model
(sorriso lindo)

Algum recado para acabar?
Não coloque um preço no seu espírito. Nunca venda seus valores, preserve seu coração e sua alma. Isso não tem preço!

Não quero uma relação morna, sem picos de plenitude
Me adapto fácil em qualquer situação, mas não curto rotina
Preserve seu coração e sua alma. Isso não tem preço!
Curta o video dos bastidores do ensaio:

Veja também os ensaios sensuais de:
Laura Kayser
Caroline Bittencourt
Gianne Albertoni

Lays Orsini veste: 
Any Any - anyany.com.br 
Carmen Stteffens - carmensteffens.com.br
Converse All Star - converse.com.br 
Darling - darling.com.br 
Exia Acessórios - exia.com.br 
Gringa - Gringa.com 
High-High - high-high.com.br
Hope Lingerie - hopelingerie.com.br 
Le Diamond - lediamond.com.br
Morana Acessórios - morana.com.br
My Gloss - mygloss.com.br 
Tófano - tofanostore.com.br 
Tryia - tryia.com.br
Virgínia Moretti - virginiamoretti.com.br

Agradecimento:
Mega Model Brasil - megamodelbrasil.com.br

Direção - André Jalonetsky
Coordenadora Executiva - Flávia Viana
Fotos - Felipe Lessa - www.felipelessa.com.br
Make up/Hair - Jô Castro
Styling - Juliana Rebecchi
Making Of - Galeria Produções - www.galeriaprod.com.br 
Agradecimento - Mega Model Brasil - www.megamodelsbrasil.com.br